Header Ads Widget

Vitória empata sem gols e reduz a distância para sair do Z-4


O Vitória teve as melhores chances e o goleiro Ivan salvou. O objetivo era conquistar três pontos diante da Ponte Preta, na tarde deste sábado, no Moisés Lucarelli, em Campinas. Mas o ponto ganho no empate sem gols serve para reduzir a distância para o time rubro-negro sair da zona de desconforto na classificação do Brasileirão da Série B.

Agora com 33 pontos e ainda na 18ª colocação, o Vitória terá terça-feira (2) mais um duelo decisivo no Barradão. Desta feita, recebe o CSA, às 16 horas,Vitória e Ponte Preta fizeram um jogo com poucas emoções. No primeiro tempo, porém, a equipe rubro-negra dominou e em três oportunidades, em chutes de Fabinho e Roberto que o goleiro Ivan fez grandes defesas, e na cabeçada de David passou por cima do travessão, por pouco não deixou o adversário em desvantagem.

No segundo tempo, o jogo ficou mais “guerreado”, como previu o treinador Wagner Lopes. O árbitro alagoano Denis da Silva Ribeiro Serafim distribuiu sete cartões amarelos, quatro para o Vitória e três para a Ponte Preta.

A Ponte Preta, é bem verdade, ficou mais com a bola. O Vitória, no entanto, voltou a ter oportunidades mais claras com Fernando Neto e Fabinho. O atacante ficou livre na área e optou por passar a bola quando deveria ter finalizado a gol.

Na única chance da Ponte Preta, o goleiro Lucas Arcanjo foi decisivo: defendeu a bola cabeceada por Rodrigão no canto baixo esquerdo, garantindo o empate sem gols.

CAMPEONATO BRASILEIRO | SÉRIE B 2021
32ª Rodada

PONTE PRETA 0 X 0 VITÓRIA
Data: 30/10 – SAB
Local: Moisés Lucarelli, Campinas (SP)
Horário: 16 horas
Árbitro: Denis da Silva Ribeiro Serafim, auxiliado por Esdras Mariano de Lima Albuquerque e Brigida Cirilo Ferreira (trio alagoano)
Cartão Amarelo: Marcinho, Fernando, Roberto, Bruno Oliveira, Eduardo (Vitória), Moisés, Marco Antônio, Iago e Yago Henrique (PON)
Público: 3.396 pagantes
Renda: R$46.910,00

VITÓRIA: Lucas Arcanjo; Raul Prata, Wallace, Thalisson Kelven e Roberto; João Pedro, Eduardo (Fernando Neto) e Bruno Oliveira (Renan Luís); Fabinho, David (Manoel) e Marcinho (Caíque Souza). Técnico: Wagner Lopes.

FOTOPontePress/Álvaro Jr. 

Postar um comentário

0 Comentários