Header Ads Widget

Bahia perde para Chape e desperdiça chance de assumir liderança da Série B

Foto: San Junior / EC Bahia

Diante de quase 26 mil torcedores, o Bahia sofreu a primeira derrota em casa na Série B. Na noite desta terça-feira (14), o Tricolor não aproveitou a superioridade numérica em grande parte da partida e acabou derrotado pela Chapecoense por 1 a 0.

Chrystian marcou o único gol do duelo, aos dois minutos do primeiro-tempo. Com a derrota, o Esquadrão ficou nos 25 pontos e desperdiçou a chance de assumir a liderança. 

O time baiano ainda pode perder a vice-liderança em caso de vitória do Vasco sobre o Londrina no sábado (18). Os comandados de Guto Ferreira voltam a campo no dia 22, contra o Athletico-PR, pela Copa do Brasil.

PRIMEIRO-TEMPO

A Chapecoense abriu o placar logo aos dois minutos. Após bola cruzada na área, Chrystian desviou de cabeça no canto de Danilo Fernandes.

Seis minutos depois, a Chape ficou com um jogador a menos. Perroti fex falta dura e, após revisão do VAR, o árbitro expulsou o atacante direto.

Com um homem a mais, o Bahia foi pra cima e quase empatou aos 16 minutos. Rildo ficou cara a cara com Vagner, mas errou o chute e isolou.

Mas com a inferioridade numérica, o time catarinense chegou perto de marcar o segundo aos 38. Em contra-ataque, Tiago Real recebeu livre na área, mas cruzou muito alto e a bola passou por Chrystian, que estava livre na área.

Já aos 40, o Tricolor teve mais uma chance. Rodallega desviou de cabeça na área e acertou a trave.

SEGUNDO-TEMPO

Aos três minutos do segundo-tempo, o Bahia chegou com perigo. Luiz Henrique invadiu a grande área, cruzou rasteiro, mas Léo se esticou e fez o corte antes que a bola chegasse para Rodallega na pequena área.

Aos oito minutos, outro bom lance do Tricolor. Após cobrança de escanteio de Jacaré, Rezende desviou de cabeça e acertou o travessão.

Quatro minutos depois, outra chegada pelo alto. Em nova cobrança de escanteio, desta vez Luiz Otávio subiu alto e desviou de cabeça. A bola tirou tinta da trave.

Aos 16 minutos, Jacaré recebeu lançamento e foi derrubado na área por Vagner. O árbitro chegou a expulsar o goleiro, mas voltou atrás após o VAR confirmar impedimento do atacante tricolor.

Aos 20 minutos, o Bahia teve seu jogador expulso. Patrick parou contra-ataque da Chape com falta, recebeu o segundo cartão amarelo e o vermelho.

Aos 37, o Bahia quase empatou. Rildo fez boa jogada individual, driblou dois e chutou de bico. Vagner se esticou para fazer boa defesa e evitar.

Bahia 0 x 1 Chapecoense
Série B - 13ª rodada


Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 14/06/2022 (terça-feira)
Horário: 19h
Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP). Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP). VAR: Wagner Reway (PB)
Cartões amarelos: Pablo, Vagner, Kevin, Chrystian (CHA); Patrick, Daniel (BAH)
Cartões vermelhos: Perroti (CHA); Patrick (BAH)
Gols: Chrystian (BAH)

Bahia
Danilo Fernandes; Douglas Borel (Raí), Ignácio (Rezende), Luiz Otávio e Djalma (Luiz Henrique); Patrick, Mugni (Jacaré) e Daniel; Rildo, Davó (Gabriel Xavier) e Rodallega. Técnico: Guto Ferreira.

Chapecoense
Wagner; Pablo, Léo, Victor Ramos e Fernando; Marcelo Freitas (Betinho), Oliveira e Tiago Real (Ederson); Derek (Kevin), Chrystian (Frazan) e Perotti. Técnico: Gilson Kleina.


Galáticos Online

Postar um comentário

0 Comentários