Header Ads Widget

Bahia aumenta consumo online e vira alvo de empresas desenvolvedoras de smartphones

Foto: Unsplash

Durante o ano de 2021, o consumo de internet na Bahia cresceu de forma inédita. Um comportamento que acabou causando impacto no mercado local, e chamou a atenção de algumas grandes empresas. A capital Salvador, por exemplo, ganhou no segundo semestre duas lojas de desenvolvedores de smartphones. A chinesa Xiaomi e a norte-americana Motorola inauguraram locais de revenda, e colocaram o estado baiano como referência no uso da tecnologia. Uma novidade que promete agitar a economia local pelos próximos anos.

Um dos anúncios mais importantes foi a chegada da Xiaomi, pois a empresa não tinha nenhuma representação em todo o Nordeste. Entretanto, com a inauguração da loja em Salvador, fica nítido que o público baiano será usado como referência para o crescimento em toda a região do Brasil. Algo que só aconteceu pelo comportamento mais conectado na Bahia, principalmente com a popularização dos smartphones. A taxa de consumo de internet está acima dos 65% desde o início do ano por aqui.

Em 2020, como mostra a reportagem do site G1, esse índice chegou a ficar nos 75%. Um dos motivos foi a crise que afetou a funcionalidade de vários serviços, mas que acabou forçando o uso maior de ferramentas digitais. Os bons números registrados nesses 24 meses chamaram a atenção também da Motorola, que inaugurou a primeira loja-conceito no Nordeste por aqui na Bahia. É a terceira no Brasil, segundo o site oficial da empresa, e isso mostra como a região é prioridade quando o assunto é tecnologia. A promessa é que essas novidades agitem a economia local em 2022.

Apesar da queda nas vendas recentes, os smartphones continuam com bons números no mercado brasileiro. Nos últimos meses, por exemplo, foram vendidos quase 10 milhões de aparelhos. Isso explica o otimismo com a inauguração dessas duas lojas na Bahia. Outro aspecto importante é o uso desses dispositivos para facilitar a vida das pessoas, como mostramos por aqui recentemente com o RG Expresso, serviço que permite ao cidadão solicitar a reimpressão da carteira de identidade sem sair de casa.

Investimento chinês no Brasil

A inauguração da loja da Xiaomi em Salvador mostra que a empresa chinesa está realmente acreditando no potencial de consumo do brasileiro. Após se transformar na vice-líder do mercado global de celulares, superando até mesmo a Apple, o plano da marca é conquistar mais mercado por aqui. Em entrevista ao jornal Estado de Minas, o diretor da Xiaomi no Brasil, Luciano Barbosa, afirmou que a companhia é a que mais homologa produtos na Anatel.

Ou seja, agora com uma loja física na Bahia as vendas dos celulares da marca devem aumentar durante os próximos anos. É uma oportunidade de mercado para todos os envolvidos, pois a economia local deve ficar mais movimentada, principalmente entre os fãs de tecnologia. É difícil encontrar algum brasileiro que não sonhe com um smartphone para usar durante a rotina diária.

Entretenimento ajuda nas vendas

Não faltam motivos para uma pessoa ter um smartphone, como falamos anteriormente, porém o entretenimento digital é o que mais chama a atenção do público, principalmente no Brasil. Alguns jogos online passaram por adaptações justamente para rodar nesses dispositivos, como é o caso dos cassinos online. As plataformas com melhores avaliações, como a National Casino e a Tsars Casino, possuem aplicativos para iOS e Android, ou então oferecem sites adaptados para jogar no smartphone. A ideia é que os fãs de apostas possam conhecer mais das versões dinâmicas e interativas dos principais jogos, como o pôquer, o blackjack, a roleta e até mesmo as máquinas caça-niqueis temáticas.

Os serviços de streaming de filmes e séries vão pelo mesmo caminho, e basta ver como os aplicativos da Netflix, da HBO Max e da Globoplay foram evoluindo com o tempo. As pessoas estão consumindo cada vez mais conteúdos com os smartphones, e as empresas estão se adaptando em busca dos usuários. Algo normal, e faz o mercado dos celulares ficar ainda mais agitado. A chegada da 5G em 2022 deve potencializar isso ainda mais, inclusive em cidades como Salvador.

Todas essas mudanças e novidades são notícias positivas para a Bahia, pois os investimentos no estado não devem ficar apenas com a Xiaomi e a Motorola. A expectativa é que outras desenvolvedoras de smartphones tenham interesse em abrir lojas na região. Algo que deve colocar o estado como uma referência no Nordeste, principalmente no quesito de tecnologia. O futuro é digital, e esses dispositivos móveis são importantes para isso.

Postar um comentário

0 Comentários