Header Ads Widget

Investigador da Polícia Civil é suspeito de matar barbeiro por conta de som alto em Salvador

Creditos da foto:Neviton/redes sociais


Um investigador da Polícia Civil é suspeito de matar seu vizinho, um barbeiro, identificado como Neviton Rodrigues da Silva, de 39 anos, no último sábado (14/3). O policial teria se irritado por conta de um som alto.

O carro de onde saia a música estava estacionado em frente à barbearia de Neviton, na Rua 25 de Dezembro, no bairro Cidade Nova. Ele não era o dono do veículo, porém teria se envolvido por conhecer o policial.

As primeiras informações são de que o agente teria sido chamado por familiares que moram na mesma rua. Ao descer para reclamar, encontrou Neviton e se iniciou a discussão, até que o barbeiro foi baleado.

A Polícia Militar informou que a vítima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Geral do Estado, onde chegou a passar por cirurgia, mas não resistiu e nesta segunda-feira (16), a família informou que ele teve morte encefálica confirmada, e que os protocolos de desligamento de aparelhos foram iniciados.

Em nota, a Polícia Civil disse estar apurando a relação do policial com o crime. A corporação também disse que já começou a ouvir testemunhas e familiares.

AratuON

Postar um comentário

0 Comentários