Header Ads Widget

VÍDEO: “Jesus não comprou uma pistola porque não tinha naquela época”, diz Bolsonaro


Na véspera do Dia de Corpus Christi, uma das principais datas de celebração religiosa, Jair Bolsonaro (PF) voltou a exaltar as armas como forma de proteção, em contato com religiosos, nesta quarta (15), no Palácio da Alvorada, em Brasília.

Em meio à conversa, o presidente soltou mais uma de suas bizarrices: “Jesus não comprou uma pistola porque não tinha naquela época”, disse, arrancando risos dos presentes.

A declaração foi uma resposta a fala de um apoiador, que citou uma fala de Jesus que diz que "quem não tem espada, vende vestimenta e compra uma espada". Bolsonaro, então, disse: "Ele não comprou pistola porque não tinha naquela época."

O assunto era sobre países em que as leis de armas são mais liberais ainda do que as brasileiras, como nos Estados Unidos, por exemplo, que batem recordes quase semanais de ataques contra escolas ou shoppings.

Não satisfeito, Bolsonaro ainda disse: “Você acha que alguém vai atacar os Estados Unidos, vai atacar a Rússia, vai atacar a China? Têm bomba atômica”.

O presidente também não deixou de exercer sua diversão preferida: atacar o ex-presidente Lula (PT) usando fake news: “Para ele, fazer aborto é igual extrair um dente”, disse aos apoiadores, segundo o Broadcast.

Lula critica fala de Bolsonaro: “o Deus de uma pessoa dessas não é o seu Deus e não é o meu Deus”

Durante evento em Uberlândia (MG), na quarta à noite, Lula criticou o comportamento de Bolsonaro: “Não é possível que uma pessoa que pensa algo assim, uma pessoa que fala uma cretinice dessas, diga que é cristão ou diga que crê em Deus. Podem ficar certos de que o Deus de uma pessoa dessas não é o seu Deus e não é o meu Deus. Porque o meu Deus significa amor, humanismo, significa bondade, carinho e respeito pelos outros seres humanos”, disse.


Revista Forum

Postar um comentário

0 Comentários